Como montar a armadura Drachen em Monster Hunter: World sem derrotar o Behemoth

ATUALIZADO com mais informações no final em 04/08/2018!

Ontem antes de dormir topei com um vídeo interessante sobre como “farmar” o Behemoth solo, sem chegar a derrotá-lo, para conseguir os materiais necessários para montar a nova armadura Drachen. A armadura já é tranquilamente uma das melhores do jogo, com habilidades como Reforço Crítico 3, Olho Crítico 6 e Reforço de Ataque 3, entre outras, e dois bônus de conjunto de respeito (sem perda de afiação em ataques críticos e aumento de dano elemental em ataques com pulo). Além do mais, é bonita pra dedéu.

Na prática, o vídeo não ensina nada de realmente novo, e sim revela que o bichão parece ter sido feito para isso. Derrotá-lo solo é possível, especialmente com builds de bombas fragmentadas… Mas como o encontro completo é mais voltado a grupos com “funções” típicas de MMO, os desenvolvedores resolveram “compensar” para os “eu sozinho” de uma maneira simples: não há materiais raros que só vêm em talha ou nos prêmios finais, como as gemas ou placas de outros monstros. Você ainda precisa quebrar os chifres e cortar a cauda se quiser essas partes específicas, mas ambos são mais fáceis de conseguir do que em outros monstros, mesmo solo, e todos os outros materiais necessários são comuns e obtidos em quantidade com seu Amigato usando o equipamento Lamispólio (Plunderblade).


Devagar se chega ao longe

Como o próprio sujeito avisa no vídeo, é um método “lento e metódico”, mas que funciona – e após duas “passadas” pela primeira parte da missão do Behemoth, posso atestar isso. Não tenho ainda o fuzilarco leve que ele usa (precisarei “farmar” mais Xeno’jiiva para montá-lo), mas mesmo com outro mais fraco e munições semelhantes (Sono, Pegajosa e até Água, uma das fraquezas do Behemoth, mas sem a Cortante), consegui juntar materiais suficientes para montar mais duas peças da armadura, faltando só outras duas agora. E não, ainda não derrotei o bicho; só tive a chance de jogar com aleatórios sem comunicação/distribuição clara de “funções”, e aí o melhor que rolou foi cortar a cauda duas vezes e chegar até a última área outras duas. Mas enfim, confiram os “macetes”:


Atualização: A essa altura, já consegui montar a armadura inteira e faltam apenas 3 Ossos de Behemoth para montar a glaive inseto Gael Bog (além de provavelmente mais alguma coisinha para aprimorá-la ao máximo depois). Uma ideia que tive e que NÃO consta no vídeo foi simplesmente Responder a SOS em busca da primeira missão do Behemoth, A Fera Lendária, em vez da missão que conclui a questline.

Essa primeira missão exige apenas “espantar” o bicho da primeira área para ser bem-sucedida, o que é muito mais fácil; com mais pessoas “treinadas” no Behemoth agora, ela acaba rápido – o máximo que demorou para mim foi 6 minutos. Ela dá cerca de 5 materiais comuns de prêmio (Osso, Juba, Fragmento de Eterita), fora extras se o grupo conseguir quebrar alguma parte do monstro. Infelizmente você não pode iniciá-la de novo sozinho se já a tiver terminado (é um Serviço Especial), e por isso tive que procurar via SOS. É bom aproveitar enquanto ainda há gente por aí precisando fazê-la!

Eis a armadura inteira e um build que fiz em torno dos fortes dela, Reforço de Ataque e habilidades de Crítico. É uma pilha bem impressionante de dano sobre dano:

  • A habilidade No Ar (Airborne, vem da armadura) aumenta o dano básico de ataques aéreos/com pulo;
  • O primeiro bônus do set aumenta o dano elemental dos mesmos ataques;
  • Reforço de Ataque 7 (usando +4 Adornos de Ataque) oferece o máximo possível de dano-base que sua arma pode causar;
  • Quebra-parte 3 (via Adornos) aumenta em 30% o progresso de quebra de partes do bicho (não o dano em si);
  • Olho Crítico 6 (da armadura, +25%), Exploração de Fraqueza 3 (2 de um Amuleto e 1 de Adorno, +50%) e o “brinde” do Reforço de Ataque (+5%) somam 80% de chance de acertar um golpe crítico em pontos fracos de monstros, ou 30% no resto do corpo;
  • Reforço Crítico 3 (da armadura) significa que cada golpe crítico causará 40% a mais de dano básico, ao invés dos 25% “normais”;
  • E o segundo bônus do set impede que a arma perca Afiação nos golpes críticos – ou seja, você mantém seu dano-base no máximo por muito mais tempo antes de precisar afiar a arma. E eu já cheguei a fazer missões inteiras contra 3 monstros sem precisar afiar com esse build!

É uma armadura sensacional, então aproveitem as dicas do video e desse artigo para conseguir montá-la, mesmo que demore um pouquinho – e não, eu ainda não consegui achar um grupo que cumprisse a missão final do Behemoth inteira. Mas o pessoal está indo cada vez melhor, e uma hora acontecerá!

Anúncios