Sátira de Borderlands contra a justiça social

A Gearbox já foi alvo dos justiceiros sociais de Internet/da imprensa mais de uma vez, graças à atitude no-nonsense de seu CEO e ao humor sem muito freio de seus jogos. Nada mais justo, então, que alguém pegasse a icônica música-tema do primeiro Borderlands (“Ain’t no Rest for the Wicked”, Cage the Elephant) e fizesse uma sátira muito bem direcionada – e GENIAL. Sobrou até para a merda do Polygon, e só faltou incluir o Kotaku no bolo…

Sem comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s