Povo gosta de lista, né? Toma essa então – o que joguei até agora em ordem de preferência. Valendo apenas jogos inéditos lançados até 31 de março:

  1. SUPERHOT (história completa, brincando nos modos extras)
  2. Hitman (história completa, brincando com Contracts e Escalation)
  3. Far Cry Primal (cerca de 12 horas de jogo, muita coisa pela frente)
  4. Street Fighter V (mais da metade dos personagens a experimentar)
  5. The Division (50+ horas, história completa, sem tesão pro endgame)
  6. The Witness (apenas 3 horas, perdido e sem cabeça para continuar)
  7. Firewatch (terminado, mas apenas a história e o visual se destacam)
  8. Layers of Fear (terminado, mas apenas um belíssimo trem-fantasma)

Posições podem e vão mudar durante o ano. Minha aposta nesse momento é Street Fighter V ir subindo à medida que experimentar melhor mais personagens e conteúdo extra for adicionado. Idem para Hitman, que só não está no topo por questões de desempenho e por estar ainda muito no início.

E para quem estiver se perguntando “e Quantum Break, onde entraria na lista agora?”. Terminei ele hoje e digo que fica entre HitmanFar Cry Primal, no mínimo.

2 comentários sobre “Primeiro trimestre de 2016: um balanço em forma de lista

  1. Você não achou Superhot um pouco decepcionante? Pareceu mais o teaser de uma campanha no Kickstarter do que um jogo que desenvolve todas as possibilidades que a mecânica genial oferece

    Curtir

    1. Nope. Não sou de lamentar possibilidades em vez de celebrar o que foi efetivamente entregue e funciona bem. Se o jogo custasse mais seria outra história, mas a 30 temers não vou cobrar mais desenvolvimento do que já tem ali.

      Curtir

Sem comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s